Back to top

Saiba o que é Conservação em Ciclo Contínuo

O método de conservação em ciclo contínuo foi desenvolvido por Flávio Ojidos durante seu mestrado em Conservação da Biodiversidade e Desenvolvimento Sustentável do Instituto de Pesquisas Ecológicas IPÊ.

O método

Trata-se de um sistema de gestão dos recursos naturais e financeiros para gerar recursos a partir da conservação de áreas naturais privadas.

Mais que viabilizar recursos para a manutenção destas áreas, o modelo se propõe a gerar recursos a partir da conservação da natureza e geri-los de forma que a proteção seja retroalimentada ao longo do tempo.

O conceito inovador já foi apresentado para especialistas em conservação da natureza de mais de 40 países em dois eventos internacionais – na Europarc Conference, em Portugal; e no congresso da International Land Conservation Network, no Chile.

No Brasil, a ideia foi apresentada no V Congresso Brasileiro de RPPNs e no IX Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação.

A conservação em ciclo contínuo se divide em três etapas: estudo do potencial ambiental do ativo, planejamento e operacionalização das oportunidades, criação de endowment e criação do Fundo de Ciclo Contínuo.

É ideal para proprietários rurais com áreas de vegetação nativa que desejam investir em negócios sustentáveis com seus ativos naturais conservados.

O protótipo de aplicação do método de conservação em ciclo contínuo é a RPPN Gigante do Itaguaré, que tem aptidão para o uso de 24 das 35 opções da Matriz de Oportunidades.

Ativos ambientais em áreas privadas

No Brasil, existem cerca de 1.600 RPPNs, que conservam mais de 888 mil hectares de vegetação nativa, de forma voluntária, em todos os biomas do país.

São centenas de proprietários dedicados à conservação das riquezas naturais brasileiras que, geralmente, enfrentam sozinhos os custos deste investimento que beneficia a todos.

Todo proprietário ou gestor de RPPN sabe que não basta gerar recursos para as despesas ordinárias. É preciso garantir condições de gestão e proteção em caráter perpétuo, tal como são as reservas privadas.

Foi com esta preocupação que surgiu o método de conservação em ciclo contínuo. O modelo, porém, não se aplica somente a RPPNs. Pode ser aplicado em qualquer área natural privada.

Saiba mais

Conheça os fundamentos do modelo de conservação em ciclo contínuo. O livro com os fundamentos do modelo foi publicado pela Essential Idea Editora e está disponível para compra online.

Veja o índice e apresentação do livro

Livro Conservação em Ciclo Contínuo - Como gerar recursos com a natureza e garantir a sustentabilidade financeira de RPPNs